Autoridades calculam que cerca de 1,5 mil médicos sem especialização atuam como cirurgiões plásticos no Brasil

Tornar-se mais desejável para o marido era o que buscava a dona de casa R.M. M., 52 anos, quando entrou no consultório de um cirurgião plástico londrinense. A história tinha tudo para dar certo: o médico inspirava confiança e as cirurgias estéticas já eram, naquele ano, bastante comuns. O desfecho, no entanto, foi bem diferente do que ela imaginava.
Depois de se submeter a duas plásticas, uma para redução dos seios e outra para diminuir o abdômen, R. se deparou no espelho com uma mulher mutilada. Os seios ficaram assimétricos, a região pubiana foi estranhamente esticada e o umbigo se mostrou disforme. A desilusão se completou quando ela descobriu que o autor das operações mal sucedidas não era um especialista.
Apesar de ter ostentado, na época, uma placa que indicava “Cirurgia plástica” em seu consultório, o médico em questão nunca possuiu habilitação para atuar na área, como atestam os registros do Conselho Regional de Medicina (CRM) do Paraná. O caso foi parar na Justiça e deu a R. mais um desgosto: o de aguardar uma sentença que, até hoje, não saiu.
A dona de casa não está sozinha na ação civil que tramita na 7 Vara Cível de Londrina. Outros cinco pacientes, sendo quatro mulheres, exigem indenização por danos causados após cirurgias plásticas feitas pelo médico. Cada uma guarda suas lembranças e sequelas. “Eu vivia chorando. Você pensa que vai ficar linda e de repente não consegue se sentir bem em roupa nenhuma”, diz L.O., 58 anos, que passou por uma lipoaspiração e uma cirurgia nos seios.
R., que afirma ter procurado vários médicos que pudessem reparar suas lesões, hoje fala com resignação. “A essa altura da vida não me arriscaria a fazer uma nova cirurgia. Estou com diabetes e, de qualquer forma, meu casamento já está arruinado”. Ela e os outros autores da ação pedem indenização de 100 vezes o valor de cada cirurgia.
No CRM, não houve nenhuma punição contra o médico, que continua exercendo a profissão.
Cálculos superficiais apontam que 1,5 mil médicos sem especialização estejam atuando como cirurgiões plásticos no Brasil, mas o número pode ser bem maior. Para o diretor regional da Sociedade Brasileira de Cirurgia plástica (SBCP) no Paraná, José Carlos Miranda, o aumento do número de profissionais que se “aventuram” nessa área acompanha o inchaço do mercado. “É uma combinação do número excessivo de escolas médicas no país com a baixa remuneração profissional”, justifica. Ele aponta o exemplo da cidade de São Paulo, onde existe um médico para cada 260 habitantes quatro vezes mais do que preconiza a Organização Mundial de Saúde (OMS). “A concorrência é tanta que muitos médicos resolvem invadir especialidades alheias”, acrescenta.
Para esses, o ramo da cirurgia plástica é um prato cheio. Em 2002, segundo estimativa da SBCP, foram realizadas 370 mil cirurgias do gênero no Brasil. Entre os pacientes, 70% eram mulheres e 30%, homens. Os adolescentes, até 2003, já respondiam por 15% da demanda. No topo das cirurgias mais procuradas aparece a lipoaspiração, seguida pela redução de mamas e os procedimentos cirúrgicos na face. O número de reclamações contra profissionais que atuam na área é igualmente grande. A cirurgia plástica ocupa o terceiro lugar no ranking de denúncias apuradas pelo CRM do Paraná, atrás apenas de ginecologia e obstetrícia.

Fonte: Gazeta do Povo PR

Dieta de Emergência

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Quer ficar em forma para o verão que está aí??

Perca 3 quilos em 1 Semana

1o. Dia

Desjejum
1 xícara de chá com adoçante
1 fatia de pão light integral
1 fatia fina de queijo branco
1 fatia fina de peito de peru

Lanche
1 laranja

Almoço
Salada de alface, tomate e pepino,temperada com 1 colher de chá de azeite, limão e sal
3 colheres de sopa de carne moída refogada
Acelga refogada
2 colheres de sopa de arroz
2 colheres de sopa de feijão
1 taça de gelatina diet com pedaços de maçã picada

Lanche
1 barra de cereal com 90 Kcal

Jantar
Salada de rúcula, repolho roxo picado,
2 colheres de sopa de cenoura crua e ralada
3 colheres de sopa de atum em água temperado com 1 colher de chá de azeite. vinagre, mostarda e sal.
Papaia com raspas de limão

2o. dia

Desjejum
1 fatia de melão picado com 1 colher de sopa de granola ou muslie 1 colher de chá de mel

Lanche
Limonada com adoçante
1 bolacha água e sal

Almoço
Salada de agrião,tomate-cereja e 2 palmitos picados, temperada com mostarda, limão e sal
1 colher de sopa de purê de batata
1 bife grelhado pequeno (100 gr )acebolado
1 fatia de melão

Lanche
1 fatia de pão light integral
1 colher de sobremesa de requeijão light
1 copo de suco de abacaxi com hortelã e adoçante

Jantar
1 prato de sopa de legumes e verduras em pedaços com 50 g de frango desfiado
1 taça de gelatina diet de limão com raspas de limão

3o. DIA

Desjejum
1 xícara de chá com adoçante
1 pão francês sem miolo
1 fatia média de queijo branco
1 colher de chá de geléia diet

Lanche
1 iogurte light com sabor de fruta

Almoço
Salada de alface, beterraba crua ralada e pepino, temperada com 1 colher de chá de azeite, mostarda e sal.
3 colheres de sopa de estrogonoff de frango
2 colheres de sopa de arroz
2 damascos secos

Lanche
1 xícara de chá de café com leite desnatado quente, adoçante e canela

Jantar
Salada de tomate c/ orégano, vinagre e sal
3 sardinhas frescas assadas
1 colher de sopa de purê de mandioquinha
1 fatia de abacaxi

4o. DIA

Desjejum
Vitamina: 200 ml de leite desnatado, 1/2 papaia, banana-prata e Adoçante

Lanche
1 xíc. de chá verde com adoçante
1 bolacha água e sal

Almoço
Salada de rúcula, rabanete e 2 buquês de couve-flor, temperada com 1 colher de chá de azeite, vinagre e sal
1 xícara de chá de espaguete cozido c/ molho de tomate
1 coxa sem pele de frango assado
2 ameixas médias

Lanche
1 iogurte light com sabor de fruta com 1 castanha do pará picada

Jantar
Salada de alface e 1 colher de sopa de tabule, temperada com 1 colher de chá
de azeite, limão e sal.
1 pedaço (60 )de quibe assado
1 taça de gelatina diet

5o. dia

Desjejum
1 copo (200 ml) de leite desnatado com café e adoçante
1/2 papaia

Lanche
1 polenguinho light

Almoço
Salada de agrião e 3 fatias de manga com shoyu
1 colher de sopa de arroz
1 colher de sopa de farofa
2 fatias de lagarto recheado com cenoura
6 uvas

Lanche
1 barra de cereal com até 90 Kcal

Jantar
1 sanduíche:
2 fatias de pão light sem casca e com fibras
3 colheres de sopa de atum na água e sal misturado com 1 colher
de sobremesa de maionese light, tomate em rodelas e folhas de alface

6o. Dia

Desjejum
1 iogurte desnatado batido com adoçante
1 torrada com requeijão light

Lanche
1 pêra

Almoço
Salada de alface, tomate e pepino, temperada com 1 colher de chá de azeite, vinagre e sal.
4 fatias de peru assado
1 batata pequena corada
1 picolé de fruta

Lanche
1 banana-prata picada
1 colher de chá de mel

Jantar
Salada de folhas com maçã picada temperada com shoyu, 1 colher de chá de
azeite e sal
1 filé de peixe grande (200 g) grelhado com molho de alcaparras
3 colheres de sopa de milho refogado
1 laranja

7o. Dia

Escolha um dos dias anteriores e repita

Fonte :Viva mais ed 286

A funcionária pública Carmen Lúcia Freitas Ricardo, de 41 anos, ficou um período relativamente curto na fila por um cirurgia bariátrica (redução de estômago). Foram 14 meses de espera. "Para mim a espera foi difícil, porque quem tem um problema de saúde sente dificuldades em esperar um dia que seja", comenta. Ela teve mais sorte e conseguiu marcar a cirurgia plástica para retirada de pele em apenas oito meses. "Tiraram pouco mais de três quilos de pele e gordura, o que não é muito. Tem gente que fica na fila e tem 15 quilos de pele para retirar", relatou. Ao todo Carmen perdeu 60 quilos e pesa hoje 75 quilos.
Hosana Ferreira Lúcio, que fez a redução e aguarda para fazer a plástica, diz que o desconforto do paciente é muito grande. "A pele que sobra incomoda e muitas vezes ocasiona feridas. Há também a questão psicológica, pois algumas pessoas que fazem essa cirurgia ficam deformadas, porque sobra muita pele e se recusam a ter qualquer tipo de convívio social, mesmo com a família". Hosana viveu uma experiência semelhante antes de fazer a cirurgia bariátrica. Ela chegou a pesar 116 quilos e 800 gramas, distribuídos em 1,60 metro. "Fiquei um ano trancada em casa por depressão. Por isso, para mim, a espera de um ano e meio, foi muito penosa. Imagino o sofrimento de pessoas que sofrem com outros problemas e também têm de entrar numa lista de espera."

Antes e Depois

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Aí vai a minha foto do antes, com 120 Kg e depois da cirurgia com 55 Kg

Dieta ou Cirurgia?

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Recomendado por cirurgiões de todo o mundo como um guia completo para quem busca informações a respeito das cirurgias de redução do estômago. Quem pode fazer? Quais são os tipos de cirurgia e suas conseqüências? Quais são as restrições dos pacientes operados? Qual a avaliação das pessoas que já se submeteram?

Dieta Nota 10

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Com Dieta Nota 10, o Dr. Guilherme de Azevedo Ribeiro transforma em livro o método revolucionário de controle de peso que conquistou as maiores estrelas da televisão. Atrizes como Carolina Dieckman, Daniela Escobar e Camila Morgado – modelos de uma espetacular forma física – são seguidoras fieis da Dieta Nota 10, que não priva o corpo de nenhum nutriente: é uma equilibrada composição de tudo de que o organismo necessita. Com sua vasta experiência, Dr. Guilherme compreendeu que o prazer de comer não pode jamais ser ignorado, criando assim um processo que, mesmo exigindo disciplina, não leva a qualquer tipo de proibição

A Dieta do Abdômen

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Abdominais fortes e definidos são um dos melhores indicadores de saúde. O desenvolvimento da musculatura abdominal vai ajudar você a viver mais, a dormir melhor, a prevenir dores nas costas e a até melhorar a sua vida sexual. Para obter todos esses benefícios, não é necessário passar anos fazendo uma dieta de fome e seguindo exaustivos programas de exercícios. Você pode alcançá-los em apenas seis semanas com a Dieta do Abdômen, um programa que vem ajudando milhares de homens e mulheres a perder peso, a esculpir a musculatura abdominal e a se tornarem mais saudáveis do que jamais imaginaram. David Zinczenko, editor-chefe da Men´s Health, uma das mais importantes revistas de saúde e fitness do mundo, mostra que esses benefícios estão ao seu alcance com base nas mais recentes pesquisas nas áreas de saúde, nutrição e exercícios:
• Baseada em 11 grupos de alimentos saudáveis, a dieta faz com que você perca gordura, desenvolva músculos, melhore a aparência e se sinta bem-disposto.
• É um programa fácil de seguir porque não exige que você pese alimentos, siga fases, conte calorias e perca horas preparando receitas complicadas.
• Você nunca passará fome, pois o programa incentiva a comer seis vezes por dia, ajusta o seu metabolismo e permite até que saia da dieta de vez em quando.
• O Programa de Exercícios pode ser feito em casa em apenas vinte minutos, três vezes por semana com um simples conjunto de halteres.
• Um guia de referência com informações sobre alimentos e prevenção de doenças

Tabela de gasto calórico

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Atividades físicas moderadas

1 hora de Caminhada tipo Hiking – 370 calorias

1 hora de Trabalho de jardinagem – 330 calorias

1 hora de Dança – 330 calorias

1 hora de Golfe – 330 calorias

1 hora Pedalando (<16 km/h)- 290 calorias

1 hora Caminhando (<5 km/h)- 280 calorias

1 hora de Musculação com pesos leves – 220 calorias

1 hora de Alongamento – 180 calorias

Atividades físicas fortes

1 hora de Jogging (<8 km/h) – 590 calorias

1 horas Pedalando (>16 km/h)- 590 calorias

1 hora Nado livre – 510 calorias

1 hora de Aeróbica – 480 calorias

1 hora de Caminhada (7 km/h)- 460 calorias

1 hora de Musculação – esforço forte – 440 calorias

1 hora de Basquete – intensidade vigorosa – 440 calorias

Cicatrizes das cirurgias plásticas

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Rosto

É a única parte que não tem cicatriz aparente por ficar escondida na raiz do cabelo ou atrás das orelhas. Retiram as famosas papadas, bolsas sob os olhos e pálpebras caídas

Abdômen

Quando há excesso de pele é necessário que a incisão seja feita em forma de âncora ou de forma circular, ou seja, também atinge as costas. Pode ser escondida sob um biquíni

Coxas

A cicatriz é em formato de um T e começa na virilha e segue até o joelho,
na parte interna das coxas

Braços

Começa no cotovelo e vai até a axila. Há casos em que é necessário expandi-la até o tórax para que toda a pele seja retirada

Mama

Nos casos de hipomastia severa (queda de mama muito acentuada), o ideal é fazer uma redução para levantar a mama e colocar uma prótese. A cicatriz é ao redor do mamilo e em T invertido. Fica escondido sob o sutiã ou biquíni

Fonte: Corpo e Plástica

Magra e Poderosa

setembro 15th, 2016 | Posted by Giselle in Arquivo - (0 Comments)

Esse divertido guia de estilo de vida saudável conquistou o primeiro lugar das listas do The New York Times. As autoras, que atuam no mundo fashion dos Estados Unidos, dão dicas para desintoxicar o corpo e entrar em forma. Para isso, ensinam como adquirir bons hábitos alimentares e emagrecer de uma vez por todas. Com explicações sobre as verdades e mentiras em torno dos carboidratos; da necessidade das proteínas animais e dos efeitos devastadores do açúcar e dos adoçantes artificiais, provam que a saúde e a beleza também são uma questão de informação. Por isso, Rory Freedman e Kim Barnouin expõem os danos causados à ecologia e aos animais no processo de produção, processamento e consumo de carne. Alertam sobre os males da ingestão de hormônios ministrados ao gado e às galinhas que consumimos nas carnes e ovos. Denunciam como o hábito de beber leite de vaca, condenado por muitos cientistas e médicos, atende aos interesses de uma indústria bilionária e de políticas públicas suspeitas. Apontando os perigos de produtos corriqueiros que fazem parte do nosso cardápio, Magra & poderosa dá alternativas saborosas. Analisa por que uma alimentação consciente é fonte de saúde e bem-estar, e explica de maneira clara por que álcool, refrigerantes, cafeína, cigarros, carnes vermelhas, proteínas animais e derivados do leite devem ser exorcizados da dieta, assim como adoçantes e açúcar refinado. Assim, mostra que uma dieta baseada no consumo de produtos orgânicos é a saída para se libertar da fadiga, dos altos e baixos de energia, das gordurinhas renitentes, das celulites e dos quilos que teimam em retornar. Com orientações que transformarão o padrão da nutrição cotidiana, esse guia de alimentação saudável exibe as vantagens da dieta vegan. Magra & poderosa vem conquistando milhares de leitoras no mundo todo. Tornou-se a dieta sensação da atualidade, sem medir palavras, com bom humor e bons motivos para quem quer deixar de comer porcarias e ficar com um corpo maravilhoso